Hospital Business

Principal
Hospital Business
Programação Científica
Localização
Inscreva-se
Imprensa
Contato
Save the date - 23 e 24 de Outubro de 2013

Informativo

Digite aqui o seu e-mail e receba novidades sobre o Hospital Business - 3º Fórum Internacional de Gestão em Saúde.

Compartilhar


Agência Oficial

Hospital Business 2013

Gestores dos setores privado e público avaliam as consequências da regulação na Saúde

Desafios e soluções para a Saúde Suplementar foram discutidos ao longo do Hospital Business

Terminou nesta quinta-feira (24), no Rio de Janeiro, a 19ª edição do Hospital Business. Organizado pela Federação dos Hospitais e Estabelecimentos de Serviços de Saúde do Estado do Rio de Janeiro (FEHERJ), o congresso reuniu os principais gestores, empresários e demais atores do mercado de saúde carioca, para debater “O Impacto Regulatório na Qualidade Assistencial e na Sustentabilidade do Sistema de Saúde Brasileiro”. Ao longo dos dois dias de evento, reflexões sobre a atuação das agências regulatórias e as consequências das normas e regras que regem o setor movimentaram a maior parte da programação. Temas como gestão e qualificação também estiveram presentes nas conferências.

- Somente através de um diálogo franco, construtivo e que agregue valor é que se encontrarão caminhos para um setor que responde por 9% do PIB e emprega três milhões de pessoas diretamente – afirmou o presidente da FEHERJ e da Confederação Nacional de Saúde (CNS), José Carlos Abrahão, que defendeu as parcerias público-privado como uma direção para integração do sistema de saúde.

Presente na solenidade de abertura e na conferência que debateu modelos de gestão, o secretário estadual de Saúde, Sergio Côrtes, foi um dos que defendeu a diminuição da regulação do estado no setor.

- Intervenção do estado, além de afastar investimentos privados, prejudica a gestão estadual e municipal. Estamos com uma diminuição significativa de recursos federais na saúde, reduzidos nos últimos anos de 60% para 45% - avaliou Côrtes, que acredita que se não houver mudanças nesse cenário a Saúde Suplementar passará pelas mesmas dificuldades que o SUS enfrenta atualmente. 

Um dos destaques do primeiro dia, a mesa sobre “Assistência Médica Hospitalar Suplementar – dilemas, desafios e paradoxos” reuniu representantes das iniciativas público e privada, como os diretores Bruno Sobral, da ANS; José Cechin, da FenaSaude; Antônio Jorge Kropf, da Amil; além do superintendente Corporativo do Hospital Sírio Libanês, Gonzalo Vecina e a  Médica da Escola Nacional de Saúde Pública / Fiocruz, Thelma Battaglia Rezende. A atuação da ANS, a sustentabilidade das operadoras e a relação entre a agência, planos e hospitais foram as questões mais discutidas.

Cechin alertou que a sustentabilidade do setor está em risco devido à regulação da ANS no reajuste dos planos, que não cresce no mesmo patamar dos gastos das operadoras. Segundo dados da FenaSaúde, de 2007 a 2012, as empresas afiliadas à entidade observaram um aumento de 223% nos gastos com internação. Para o diretor da Amil, o futuro da Saúde Suplementar depende da discussão de que modelo de saúde o País quer ter.

- A Saúde Suplementar deveria ser complementar ao SUS, mas é duplicadora, enquanto esse modelo não for revisto teremos um desperdício de recursos. O resto é consequência desse modelo – avaliou Kropf.

As conferências sobre “O papel do Estado na regulação da Saúde e da assistência médica e o impacto econômico dessa intervenção”, “O impacto regulatório e as perspectivas do complexo industrial da Saúde e da Economia Brasileira” completaram a programação do primeiro dia. No segundo dia, os seminários debateram questões como “A Reforma Regulatória pelo mundo e a necessidade de uma Reforma Regulatória na Saúde Brasileira”, “O desafio da Acreditação, do Programa QUALISS da ANS e seu impacto no Sistema Suplementar de Saúde Brasileiro”. O ex-economista de Saúde do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) André Medici encerrou o evento ao avaliar “Os cenários da economia mundial e as perspectivas brasileiras para 2014”.










viagra p? n?tet viagra priser V?rlden Cialis Kamagra tabletter dapoxetine Tidig Utl?sning viagra alternativ Kamagra tabletter viagra priser Sildenafil 100m viagra p? n?tet cialis pris K?pa billiga Cialis online Billiga Viagra sildenafil receptfritt Viagra utan recept L?kemedel Sverige Viagra ?ver disk viagra kostnad f?r cialis Cialis 2.5mg Sildenafil Citrate 100mg Viagra P? N?tet Generisk VIAGRA cialis pris Best?lla Tadalafil billiga Kamagra Oral Jelly